Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2012 / Junho / Operação Pleno Emprego desarticula grupo que fraudava a previdência em MG

Operação Pleno Emprego desarticula grupo que fraudava a previdência em MG

29/05/2012

Belo Horizonte/MG - A Polícia Federal com o apoio da Previdência Social e o Ministério Público,  deflagrou hoje (29/05) na cidade de Caratinga/MG a Operação Pleno Emprego com o objetivo de desarticular organização criminosa especializada em fraudar benefícios previdenciários de aposentadoria. Os fraudadores criariam falsos vínculos empregatícios com empresas inativas como forma de pleitear aposentadorias fraudulentas.

Estão sendo realizadas seis buscas em residências, sendo quatro na cidade de Caratinga/MG  e duas no Rio de Janeiro/RJ, todas determinadas pela Justiça Federal.

Um dos investigados é conhecido por ter sido citado em vários inquéritos em andamento como sendo o responsável por diversas fraudes previdenciárias.

Quatro pessoas foram conduzidas a delegacia da PF para serem ouvidas, esclarecendo sua possível participação nos crimes contra o INSS.

Para os crimes investigados estão previstas penas que poderiam chegar a nove anos de reclusão. Estelionato qualificado (artigo 171, § 3º), formação de quadrilha ou bando (artigo 288), falsidade ideológica (artigo 299) e uso de documento falso (artigo 304), todos do Código Penal Brasileiro.

* O nome da Operação é uma alusão a forma de agir dos fraudadores criando vínculos de trabalho inexistentes para lesar os cofres públicos.

 

 

Comunicação Social da PF em Minas Gerais

Tel.: (31) 3330-5270

registrado em: