Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2013 / 04 / Operação Concutare combate irregularidades em licenças ambientais

Operação Concutare combate irregularidades em licenças ambientais

29/04/2013

Porto Alegre/RS - A Polícia Federal deflagrou na manhã de hoje, 29 de abril, a Operação Concutare com o objetivo de reprimir crimes ambientais, crimes contra a administração pública e lavagem de dinheiro.

A Operação foi iniciada em junho de 2012 e identificou um grupo criminoso formado por servidores públicos, consultores ambientais e empresários. Os investigados atuam na obtenção e na expedição de concessões ilegais de licenças ambientais e autorizações minerais por meio dos órgãos de controle ambiental.

Cerca de 150 policiais federais participam da Operação para executar 29 mandados de busca e apreensão e de prisão temporária expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região. As ordens judiciais estão sendo cumpridas nos municípios de Porto Alegre, Taquara, Canoas, Pelotas, Caxias do Sul, Caçapava do Sul, Santa Cruz do Sul, São Luiz Gonzaga, no Rio Grande do Sul, e em Florianópolis, Santa Catarina.

Dezoito pessoas foram presas pela PF. A operação foi denominada Concutare, termo com origem no latim, que significa concussão.

Será realizada hoje (29/4) entrevista coletiva às 10h na Superintendência da Polícia Federal no Rio Grande do Sul (Av. Ipiranga, nº 1365).

 

BALANÇO DA OPERAÇÃO CONCUTARE


 

CIDADES

MANDADOS DE BUSCA/

MANDADOS DE PRISÃO

Porto Alegre

19

11

Canoas

1

0

Taquara

1

1

São Luiz Gonzaga

1

1

Santa Cruz do Sul

1

1

Pelotas

1

1

Caxias do Sul

1

1

Caçapava do Sul

1

1

Florianópolis

2

1

Total

28

18

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio Grande do Sul

Fone: (51) 3235.9005

twitter.com/PFRS

registrado em: