Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2014 / 10 / PF investiga comerciantes que aplicavam golpes em indígenas no PR

PF investiga comerciantes que aplicavam golpes em indígenas no PR

09/10/2014

Guarapuava/PR – A Polícia Federal deflagrou, na manhã de hoje, 9/10, a Operação Pantera, para combater grupo criminoso, formado por comerciantes, que aplicava golpes em indígenas da Aldeia Ivaí, em Manoel Ribas/PR. Eles retiam cartões de programas sociais, como, o Bolsa Família, para garantir o pagamento de compras realizadas pelos indígenas.

 Policiais federais deram cumprimento a quatro mandados de busca e apreensão, no município de Manoel Ribas, expedidos pela Vara da Justiça Federal de Guarapuava/PR, além de realizarem buscas em outros locais.

 Segundo as investigações, proprietários de supermercados estariam retendo documentos e cartões de benefícios dos indígenas, a fim de subtrair valores e de garantir o recebimento pela realização de compras em seus comércios. Eles também realizaram fraudes em financiamentos e saques de benefícios previdenciários de indígenas já falecidos.

Na ação de hoje, foram apreendidos vários cartões de programas sociais do Governo Federal (do Programa Bolsa Família, do Caixa Fácil e de benefícios previdenciários), em nome de indígenas, e comprovantes de pagamento/saque de benefícios previdenciários. Também foram encontrados documentos relacionados à venda “fiada” de mercadorias a indígenas, tais como fichários com anotações de venda e notas promissórias.

 Os comerciantes investigados poderão responder pelos crimes de apropriação indébita, por estelionato contra as instituições financeiras e contra o INSS (estelionato previdenciário) e por furto, previstos no Código Penal. Além desses, eles também poderão responder por retenção de cartões de benefícios de idosos, crime previsto no Estatuto do Idoso.

 

 Comunicação Social da Polícia Federal no Paraná

Contato:(42) 3626-2298 / 2299.

 

registrado em: