Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2014 / 11 / PF apresenta resultados da Operação Extremo Sul de crimes ambientais

PF apresenta resultados da Operação Extremo Sul de crimes ambientais

21/11/2014

Rio Grande/RS – A Polícia Federal, juntamente com um grupo formado pelo IBAMA, Brigada Militar, Secretaria Estadual do Meio Ambiente e ICMBio,  atuou durante dez dias na operação Extremo Sul. Ela foi deflagrada para reprimir crimes ambientais de fauna, flora, comércio exterior, e pesca interna e oceânica.

Participaram da operação 88 agentes de todas as forças, distribuídos em 24 veículos e 6 embarcações.  Ao todo, 30 autos de infração foram confeccionados, num total de R$ 2,650 milhões em multas aplicadas. Houve também embargos de empresas e condução de pessoas à Delegacia da Polícia Federal em Rio Grande para esclarecimentos.

Ao longo da operação, as equipes realizaram patrulha marítima, fiscalizações em embarcações de pesca, entrepostos pesqueiros, criadouros de passeriformes, entre outras atividades. Os trabalhos ocorreram na região sul do estado, especialmente nas áreas de Chuí, Santa Vitória do Palmar, Rio Grande e Pelotas.

Além dos autos de infração aplicados pelo IBAMA, 19 criadouros de passeriformes foram encerrados e duas empresas acabaram embargadas, sendo uma de bateria automotiva e outra de pesca. As equipes apreenderam 42 toneladas de pescado, 15 quilômetros de rede, 190 pássaros, 200 gaiolas, 330 m³ de madeira e duas armas.

Pelo menos 12 embarcações de grande porte foram abordadas nas proximidades do porto de Rio Grande. 10 pessoas foram conduzidas à Delegacia de Polícia Federal em Rio Grande para prestar esclarecimentos sobre Certificado de Registro e Autorização de Embarcação Pesqueira e outras questões com indícios de irregularidades.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Rio Grande/RS

Contato: (53) 3293.9000

twitter.com/pfrs

registrado em: