Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2014 / 11 / PF desarticula esquema de arrendamento ilegal de terras indígenas no RS

PF desarticula esquema de arrendamento ilegal de terras indígenas no RS

27/11/2014

Passo Fundo/RS – A Polícia Federal desencadeou na manhã de hoje, 27, a Operação Terra Fértil, com o objetivo de dar continuidade às investigações que apuram o arrendamento de terras indígenas da reserva de Ventarra (Erebango – RS) para agricultores e a participação ativa de um servidor da FUNAI. O arrendamento de terras indígenas é ilegal e constitui crime.

Policiais federais cumpriram três mandados de prisão temporária e seis mandados de busca e apreensão.  Também foram realizados dois mandados de condução coercitiva, nas cidades de Getúlio Vargas/RS, Erebango/RS, Tapejara/RS, Erechim/RS e Estação/RS. Durante as buscas, foram apreendidos ainda diversos documentos e máquinas agrícolas.

Cinco pessoas foram indiciadas pelos crimes de usurpação de bem público, corrupção ativa e passiva, prevaricação e formação de quadrilha, com a prisão de um indígena (ex-cacique de Ventarra), de um servidor da Funai e de um comerciante da cidade de Getúlio Vargas/RS.

Será concedida entrevista coletiva hoje, às 15h, na sede da Delegacia da Polícia Federal em Passo Fundo.

Comunicação Social da Delegacia de Polícia Federal em Passo Fundo/RS

Contato: (54) 3318-9004

twitter.com/PFRS

registrado em: