Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2017 / 01 / PF coíbe atos intimidatórios contra autoridades públicas

PF coíbe atos intimidatórios contra autoridades públicas

26/01/2017

Belo Horizonte/MG – A Polícia Federal deflagrou hoje (26/1) a Operação Sicários, com o intuito de impedir atos intimidatórios contra autoridades públicas oficiantes na Operação Mar de Lama, deflagrada em oito fases na região de Governador Valadares/MG. Foram cumpridos sete mandados judiciais de busca e apreensão e cinco mandados judiciais de condução coercitiva.

Com base em registros coletados juntos a outros órgãos de segurança pública, a PF teve conhecimento de que pessoas estariam agindo para impedir ou embaraçar as investigações provenientes da Operação Mar de Lama, que apurava infrações penais envolvendo organização criminosa; inclusive, com vigilância próxima à residência de autoridades policiais e possível contratação de atos de pistolagem.

As medidas cumpridas hoje se somam a outras diligências e a levantamentos de inteligência produzidos pela PF, no intuito de identificar os integrantes da associação criminosa investigada e prendê-los.

Os envolvidos, se condenados, poderão cumprir até oito anos, por enquadramento em crimes previstos na lei de organizações criminosas.

Haverá entrevista coletiva, às 10h30, na Delegacia da Polícia Federal em Governador Valadares/MG (Av. Dr. Agílio Monteiro, 10, Distrito Industrial).

Comunicação Social da Polícia Federal em Governador Valadares

cs.srmg@dpf.gov.br | www.pf.gov.br

Contato: (33) 3212-9100