Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2017 / 09 / PF investiga desvio de R$ 32 milhões dos cofres públicos em RR

PF investiga desvio de R$ 32 milhões dos cofres públicos em RR

28/09/2017

Boa Vista/RR - A Polícia Federal, em conjunto com a Receita Federal, deflagrou nesta quinta-feira (29/9) a Operação Anel de Giges, com o objetivo de investigar organização criminosa acusada de peculato, lavagem de dinheiro e desvios de verbas públicas. Estão sendo cumpridos 17 mandados judiciais, expedidos pela Justiça Federal de Roraima, sendo 9 mandados de busca e apreensão e 8 mandados de condução coercitiva em Boa Vista/RR, Brasília/DF e Belo Horizonte/MG.

Na investigação, foi identificado o desvio de R$ 32 milhões dos cofres públicos, tendo como origem o superfaturamento na aquisição da Fazenda Recreio, localizada em Boa Vista/RR, e na construção do empreendimento Vila Jardim, do projeto Minha Casa Minha Vida, no bairro Cidade Satélite, em Boa Vista/RR.

Os investigados estão sendo conduzidos coercitivamente à Polícia Federal, interrogados e indiciados pelos crimes de peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa, que preveem penas de até 30 anos de reclusão.

O nome da operação foi inspirado na citação existente no Livro II da obra filosófica A República de Platão, na qual é discutido o tema da Justiça. O Anel de Giges permite ao seu portador que fique invisível e cometa ilícitos sem consequências.

Será concedida entrevista coletiva, às 11h (horário local), na Superintendência da Polícia Federal em Boa Vista.

 

Atualização 14h42 - Segue links de áudios de entrevista coletiva:
https://soundcloud.com/policia-federal/coeltiva-de-imprensa-28092017-operacao-anel-de-giges
https://soundcloud.com/policia-federal/coletiva-de-imprensa-28092017-operacao-anel-de-giges-parte-2

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Roraima

E-mail: cs.srrr@dpf.gov.br

Contato: (95) 3621-1522

registrado em: