Você está aqui: Página Inicial > Imprensa > Notícias > 2019 > 04 > Operação Ponto Final detecta fraude em concurso público na Paraíba

Notícias

Operação Ponto Final detecta fraude em concurso público na Paraíba

Quatro pessoas foram presas utilizando aparelhos eletrônicos de receptação de dados utilizados para receber o gabarito
por publicado: 08/04/2019 08h05 última modificação: 08/04/2019 08h07

Cabedelo/PB – A Polícia Federal na Paraíba deflagrou, na manhã deste domingo (7/4), a Operação PONTO FINAL com objetivo de combater fraudes em certames públicos federais.

A operação contou com a participação de 10 Policiais Federais, sendo realizada a prisão de quatro pessoas que realizavam as provas para os cargos de Administrador e Assistente em Administração do concurso da UFPB.

As prisões ocorreram nas cidades de Rio Tinto e João Pessoa. Os candidatos presos utilizam instrumentos eletrônicos de recepção de dados, com objetivo de receberem, de terceiros, o gabarito de suas provas.

Os investigados responderão pelos crimes de fraude em certames de interesse público e organização criminosa, cujas penas, somadas, poderão chegar à 14 (quatorze) anos de reclusão.

 

Será concedida entrevista coletiva hoje (08/04/2019) às 10h, na sede da Polícia Federal, em Cabedelo/PB.

 

 

Superintendência da Polícia Federal na Paraíba
Comunicação Social da SR/PF/PB
cs.srpb@dpf.gov.br
(83) 99184-9632
(83) 3269-9422