Você está aqui: Página Inicial > Imprensa > Notícias > 2019 > 04 > Parceria entre Polícia Federal e Polícia do Paraguai retira de circulação 1.132 toneladas de maconha

Notícias

Parceria entre Polícia Federal e Polícia do Paraguai retira de circulação 1.132 toneladas de maconha

Ação conjunta entre a Polícia Federal e a SENAD, Ministério Público e Forças Armadas paraguaias destruiu plantações de maconha que produziriam quantidade de droga avaliada em 33 milhões de dólares.
por publicado: 01/04/2019 18h42 última modificação: 01/04/2019 18h44

Amambay/Paraguai - Dando continuidade à Operação Nova Aliança (Nueva Alianza) forças brasileiras e paraguaias destruíram vastas plantações de maconha em solo paraguaio.

Como parte da política de cooperação internacional que vem sendo fortalecida pela PF, o órgão atuou em cooperação com instituições do país vizinho: SENAD - Secretaria Nacional Antidrogas, Ministério Público e Forças Armadas.

As operações visam a destruição da droga ainda antes da colheita, evitando assim, seu processamento, transporte e ingresso em território nacional.

A atual fase da operação, a décima oitava, durou doze dias e erradicou um total de 1.132 toneladas de maconha. Toda essa droga, após processada, teve seu valor avaliado em 33 milhões de dólares.

O apoio em território paraguaio é dado tanto através de suporte técnico quanto por auxílio material. Neste cenário, destaca-se a participação da Adidância e do Escritório de Ligação da PF no Paraguai.

 

Divisão de Comunicação Social

(61) 2024.8142