Você está aqui: Página Inicial > Imprensa > Notícias > 2019 > 05 > PF apreende significativa quantidade de moedas históricas em Alagoas

Notícias

PF apreende significativa quantidade de moedas históricas em Alagoas

Ação PF - AL

As moedas estavam em poder de um homem de nacionalidade italiana que residia no Brasil
por publicado: 16/05/2019 20h00 última modificação: 21/05/2019 09h57

Maceió/AL - A Polícia Federal apreendeu na quinta-feira (16/5), em Ipioca (região metropolitana de Maceió), significativa quantidade de moedas históricas que estavam em poder de um homem de nacionalidade italiana com residência no Brasil.

O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - IPHAN procurou a Polícia Federal após receber uma informações de que aquele estrangeiro estava divulgando, por meios de Redes Sociais, que havia encontrado, com o uso de detector de metais, diversas moedas antigas em uma praia do litoral alagoano.

Após levantamento de informações por policiais federais, o italiano foi identificado e localizado nesta capital, oportunidade em que foram desencadeadas diligências que resultaram na apreensão das moedas na residência daquele estrangeiro. As moedas foram pesadas, totalizando aproximadamente 20 kg de metal.

Segundo a legislação brasileira, todo objeto arqueológico ou histórico é protegido por lei e considerado como patrimônio da União, mesmo quando tenha sido encontrado fora de sítios arqueológicos e de forma ocasional. Nesses casos, o cidadão deve sempre comunicar ao IPHAN sobre a existência e localização de objetos para que sejam adotadas as providências legais cabíveis.

O italiano foi levado para a sede da Polícia Federal para depoimento e, em seguida, foi liberado após a lavratura de um Termo Circunstanciado de Ocorrência. Ele deverá comparecer, posteriormente, à Justiça Federal, onde poderá responder pelo crime de apropriação de coisa achada, previsto no art. 169 do Código Penal.

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Alagoas

Contato: (82) 3216-6723/6729 ou (82) 9327-7671 

scs.sral@gmail.com ou imprensa.al@dpf.gov.br