Você está aqui: Página Inicial > Imprensa > Notícias > 2019 > 10 > PF deflagra a 3ª fase da Operação Download 3

Notícias

PF deflagra a 3ª fase da Operação Download 3

Operação PF

PF investiga armazenamento e compartilhamento de de arquivos contendo pornografia infantojuvenil
por publicado: 03/10/2019 13h34 última modificação: 03/10/2019 13h34


Maceió/AL - A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (3/10) a fase ostensiva da Operação Download 3, que investiga o armazenamento e o compartilhamento de arquivos contendo pornografia infantojuvenil por meio da Internet.

Foi cumprido um mandado de busca e apreensão, na cidade de Maceió, expedido pela Justiça Federal de Alagoas. No local, foi apreendido um aparelho com suspeita de armazenar arquivos contendo material de pornografia. O material apreendido foi encaminhado para o Setor Técnico Científico para análise e elaboração de laudo pericial pertinente.  A deflagração da operação contou com a participação de 10 policiais federais e do Grupo de Repressão a Crimes Cibernético da Polícia Federal em Alagoas.

As investigações iniciaram em junho de 2019, com a instauração de inquérito policial, destinado a investigar o armazenamento e compartilhamento pela Internet de arquivos contendo pornografia infantojuvenil por usuários localizados no Brasil, incluindo o Estado de Alagoas.

A Polícia Federal esclarece que o armazenamento ou o compartilhamento de fotografias, vídeos ou qualquer outro registro de imagem que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente são circunstâncias tipificadas como crimes previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8.069/90). As penas para esses crimes podem chegar a até 6 (seis) anos de prisão.

Não haverá coletiva de imprensa.

Breve Histórico

Em 2017, a Operação Download cumpriu um mandado de busca e apreensão, sendo apreendidas mídias digitais contendo o material ilícito. Um dos investigados não foi identificado à época. A investigação continuou, até que em 2019 foi comprovado que o homem havia voltado à atividade ilícita, sendo finalmente identificado.

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Alagoas

Contato: (82) 3216-6723/6729 ou (82) 9327-7671
scs.sral@gmail.com ou imprensa.al@dpf.gov.br