Você está aqui: Página Inicial > Imprensa > Notícias > 2019 > 12 > Operação Pantomima desarticula quadrilha especializada em fraudes envolvendo saques do PIS

Notícias

Operação Pantomima desarticula quadrilha especializada em fraudes envolvendo saques do PIS

O grupo criminoso confeccionava documentos falsos para fazer saques nas agências da CAIXA
por publicado: 16/12/2019 17h18 última modificação: 16/12/2019 17h18

CRUZEIRO/SP - Na manhã desta segunda-feira (16/12), policiais federais cumpriram 02 (dois) mandados de buscas e apreensão no bairro Santa Cruz, cidade do Rio de Janeiro/RJ, com o objetivo de desarticular uma quadrilha especializada em fraudes envolvendo saques do abono salarial PIS. 

Os trabalhos iniciaram no mês de maio do corrente ano após a prisão de 04 (quatro) envolvidos nesse tipo de fraudes, presos na cidade de Cunha/SP.  A partir da lavratura da prisão em flagrante realizada na Delegacia de Polícia Federal em Cruzeiro/SP iniciou-se um trabalho investigativo meticuloso a fim de aprofundar na abrangência da atuação do grupo criminoso, tendo-se verificado que tal grupo, baseado na capital fluminense, vinha praticando crimes contra agências bancárias da CAIXA ECONOMICA FEDERAL tanto no Estado do Rio de Janeiro quanto nos Estados de São Paulo e Minas Gerais. 

O modus operandi utilizado pelo grupo era o mesmo de outros investigados na Delegacia de Polícia Federal em Cruzeiro/SP, porquanto confeccionavam documentos falsos, principalmente carteiras de identidade e, com eles, os fraudadores faziam os saques em agências da CAIXA sem dificuldades, se passando por beneficiário. 

Para o cumprimento das buscas houve um apoio massivo de policiais da Superintendência Regional do Rio de Janeiro, acompanhados de policiais militares da Corregedoria de Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, considerando que um dos principais investigados é um militar da ativa daquela corporação e a área onde ocorreram as buscas é considerada área de risco, visto ser controlada pela milícia.

Com o cumprimento dos mandados de busca, ação denominada Operação Pantomima (sinônimo informal de mentira, fraude, logro), será possível concluir os trabalhos iniciados na DPF/CZO/SP e ajudar no apontamento de outros beneficiários vítimas e identificar mais autores pertencentes aquela associação criminosa especializada e seus vínculos.

Comunicação Social SR/SP

(11)3538-5012/ 5013