Você está aqui: Página Inicial > Imprensa > Notícias > 2020 > 01 > Operação Finito combate disseminação de pornografia infantojuvenil

Notícias

Operação Finito combate disseminação de pornografia infantojuvenil

Operação PF

Um homem foi preso em flagrante
por publicado: 22/01/2020 15h57 última modificação: 22/01/2020 15h57

São Paulo/SP - A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (22/1) a Operação Finito, com o objetivo de combater a disseminação de conteúdo contendo pornografia infantil. Policiais federais cumpriram mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal de Barueri e de São Bernardo do Campo, em endereço localizado na cidade de Itapevi/SP.

A investigação iniciou-se por meio do monitoramento de grupo de aplicativo de mensagens, que, segundo informações obtidas pela INTERPOL, é muito utilizado por pedófilos de vários países, inclusive do Brasil, para a obtenção e troca de imagens de pornografia infantil.

No local da busca, após análise de câmeras e celulares e de HD dos computadores dos investigados, foi possível confirmar a presença de material pornográfico envolvendo crianças, razão pela qual lavrou-se a prisão em flagrante de um indivíduo.

A pena pela divulgação de imagens pornográficas envolvendo crianças e adolescentes é de 3 a 8 anos de prisão. O preso foi conduzido ao sistema prisional, onde permanece à disposição da Justiça.


Comunicação Social da Polícia Federal em São Paulo

Contato: (11) 3538-5013 (Atendimento exclusivo a jornalistas)
E-mail: cs.srsp@dpf.gov.br