Você está aqui: Página Inicial > Imprensa > Notícias > 2020 > 02 - Notícias de fevereiro de 2020 > PF prende marroquino e brasileira por imigração fraudulenta

Notícias

PF prende marroquino e brasileira por imigração fraudulenta

Ação PF

A dupla fez declaração falsa de matrimônio, para que o estrangeiro conseguisse residência no Brasil
publicado: 10/02/2020 20h00 última modificação: 11/02/2020 14h05
Arquivo PF

Arquivo PF

Fortaleza/CE -A Polícia Federal prendeu em flagrante nessa segunda-feira (10/2) um homem, natural de Marrocos, na África, e uma brasileira por declaração falsa durante os procedimentos de autorização de residência expedida pela PF.

Durante entrevista para obtenção de residência com base em casamento, a dupla declarou falsamente matrimônio no Brasil. Os policiais constataram que a brasileira forjou casamento com o marroquino, com o intuito de legitimar seu pedido de residência no Brasil junto à Polícia Federal, mas nunca residiram juntos e nem foram casados de fato.

Na ocasião, policiais federais deram voz de prisão em flagrante pelo crime de falsidade ideológica, com penas de reclusão de um a cinco anos e multa.

Após o flagrante, foram encaminhados à sede da Superintendência Regional da Polícia Federal, onde permanecerão à disposição da Justiça Federal.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Ceará

(85) 9.8970-0624