Você está aqui: Página Inicial > Imprensa > Notícias > 2020 > 06 - Notícias de junho de 2020 > PF combate mineração ilegal em Minas Gerais

Notícias

PF combate mineração ilegal em Minas Gerais

Operação PF

Operação Pedra Lascada inestiga usurpação de bens da União e crime ambiental
por publicado: 17/06/2020 12h53 última modificação: 17/06/2020 12h53

Belo Horizonte/MG – A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira, 17/6, a Operação PEDRA LASCADA, para combater usurpação de bem da União e crime ambiental.  Os envolvidos atuavam no mercado de mineral conhecido como Pedra Lagoa Santa. 

Por se tratar de investigados contumazes nesses tipos de crime, as investigações remontam a 2016, havendo diversos inquéritos policiais relacionados. Com provas robustecidas, a PF representou por buscas e apreensões que resultaram em quatro mandados expedidos pela Justiça Federal em Sete Lagoas/MG, hoje cumpridos nas cidades mineiras de Pedro Leopoldo e Funilândia.

Um efetivo de 22 policiais federais participou da ação, que derivou na arrecadação, para posterior análise, de documentos de compra e venda de pedras e na apreensão de cerca de nove metros cúbicos de pedras já prontas para a venda, o que equivale a um dia de comercialização ordinária do grupo. 

A lavra ilegal de jazida mineral acarreta no cometimento de crime de usurpação de bem da União, apenado com até cinco anos de detenção, e de crime ambiental, apenado com até um ano de detenção. Pela configuração de associação criminosa, os investigados ainda estão sujeitos a até três anos de reclusão, caso sejam condenados.

Os policiais conduziram um homem até a sede da PF em Belo Horizonte, flagrado na posse das pedras já beneficiadas para o comércio.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Minas Gerais
cs.srmg@dpf.gov.br | www.pf.gov.br
Contato: (31) 3330-5270