Você está aqui: Página Inicial > Imprensa > Notícias > 2020 > 06 - Notícias de junho de 2020 > Polícia Federal prende sul-africano acusado de assassinato

Notícias

Polícia Federal prende sul-africano acusado de assassinato

Acusado de matar a ex-companheira a facadas será entregue às autoridades de seu país. Colaboração internacional e esforço conjunto de vários setores foi fundamental para a realização da captura.
por publicado: 18/06/2020 17h50 última modificação: 18/06/2020 17h50

Rio de Janeiro/RJ - A Polícia Federal prendeu, na manhã de hoje, 18/06, um cidadão sul africano, de 39 anos, foragido e acusado de ter assassinado a facadas sua ex-companheira.

O caso atingiu grande repercussão e importância em virtude do fato do sul-africano já ter sido preso, no Brasil, em 2013, por uso de documento falso e tentativa de suborno a equipe de Policias Federais no momento de sua prisão. O Mandado de Prisão para fins de Extradição foi cumprido em 2014, com o estrangeiro já preso. Mais tarde, em 2016, foi posto em liberdade, o que gerou repercussões negativas junto a autoridades sul-africanas.

A partir daí, a equipe de policias federais da representação da INTERPOL da Superintendência da PF no Rio de Janeiro, com apoio operacional e logístico do Grupo de Pronta Intervenção (GPI) e colaboração da Adidância da PF na África do Sul, passou a realizar buscas, e acabou por capturar o fugitivo, em uma comunidade de Bangu, Zona Oeste do Rio.

A extradição já foi deferida pelo Supremo Tribunal Federal e a PF irá comunicar a prisão ao Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional do Ministério da Justiça e ao Ministério das Relações Exteriores para que efetivem as tratativas objetivando a entrega do preso para as autoridades sul-africanas.

 

Assessoria de Imprensa e Comunicação Social
Fone: (21) 2203-4404 / 4405 / 4406 (atendimento à imprensa)
E-mail: cs.srrj@dpf.gov.br